Círculos misteriosos no lago em Marcelino chamam atenção dos moradores e da Tractebel

Compartilhe:

10404799_798966636782607_1143068885_o    Nos últimos dias a comunidade de Marcelino Ramos tem presenciado o surgimento de círculos gigantescos que estão se formando no Lago da Usina de Itá. O aparecimento dos círculos é mais frequente entre a Ponte Ferroviária e o porto onde a balsa faz a travessia. “Eles aparecem a qualquer hora do dia, do nada e não é peixe que esta fazendo isso” relatou um morador ao Portal de Marcelino.

 Fotos encaminhadas a nossa redação nesta terça-feira (20) mostram as formações circulares praticamente no meio do lago longe das margens. Nas bordas uma coloração mais branca, remetendo para um aspecto de espuma. No centro do círculo um tom mais escuro e a princípio nenhuma característica de ondulações na água, descartando neste caso a formação por movimento de peixes.

 O fenômeno surgiu há cerca de duas semanas e pode ser visualizado diariamente em horários diversificados. Sem uma explicação técnica do que está ocorrendo no Lago, surgem muitas especulações, algumas até absurdas.

 O que diz a Tractebel
Diante das especulações em torno do assunto a equipe de reportagem do Portal de Marcelino entrou em contato com10371108_798966956782575_1364401905_o Sérgio Luiz de Souza, coordenador de Meio Ambiente da Tractebel com sede em Itá.  Ele recebeu por e-mail as fotos que foram enviadas a nossa redação. Pelas imagens ele não conseguiu identificar do que se trata e disse que iria encaminhar o material para o setor responsável pelo monitoramento e controle da água do lago.

Na conversa preliminar com nossa reportagem ele descartou a princípio a formação do círculo por gazes oriundos da decomposição de matérias orgânicas no fundo do lago. Ainda esta semana a Tractebel ficou de dar um retorno ao Portal de Marcelino com uma resposta sobre o fenômeno.

7 comentários em “Círculos misteriosos no lago em Marcelino chamam atenção dos moradores e da Tractebel

  • 21 de janeiro de 2016 at 14:27

    Se estão esperando resposta da Tractebel podem esperar sentados…

    Reply
  • 26 de maio de 2014 at 11:30

    Claro que a ideia d colher material e mandar para ser pesquisado é o mais acertado. Existe muitas árvores e pessoas sepultadas ao lado de embuseiros, como foi na área enterrado o próprio corpo do monge José Maria bem como outros seres vivos na época. Portanto smj não vejo outra explicação…

    Reply
  • 22 de maio de 2014 at 16:33

    Poderia ser bolhas de gases provenientes de material em decomposição no fundo do lago e que levariam para cima também lama, por isso fica mais escuro?

    Reply
  • 21 de maio de 2014 at 08:37

    sou morador do municipio de paial, nosso municipio é atingido pela baragem foz do chapecó, posso afirmar que aqui também está ocorendo esse tipo de coisa, circulos escuros com bordas espumadas surgem do nada, “nascem” com o tamanho de uma bola, mas em questão de 30 a 40 segundos ficam com diametros aparentemente de uns 10 metros, e assim como surgem, do nada também desaparecem. Esse tipo de ocorencia está deixando pessoas curiosas e intrigadas.
    aguardo respostas..

    Reply
  • 20 de maio de 2014 at 21:39

    Não é a sucuri que tanto falam por aí, é só analisar pela forma dos círculos que pode ter fundamento,analisem bem?

    Reply
  • 20 de maio de 2014 at 16:46

    SÃO OS PEIXES BRINCANDO DE CIRANDA CIRANDINHA

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>