Sinal verde para a diversão! Conheça o Baile da Sinaleira criado por comunidade do interior de Marcelino Ramos

Compartilhe:

capa baile    Sinal verde para a diversão! Brincando com as cores, a Juventude Unida da comunidade de Santa Bárbara (JUSB) de Marcelino Ramos, promoverá no mês de abril mais uma edição do tradicional “Baile da Sinaleira”. O formato do baile chama atenção e se diferencia dos demais em razão de pulseiras coloridas que são usadas pelos frequentadores. Todos que entrar no salão terão que optar por uma cor que vai identificar se a pessoa está namorando, se é casada ou se está a fim de encontrar uma paquera. O verde, por exemplo, significa que a pessoa está livre, já o amarelo indica que talvez ela esteja a fim de encontrar alguém e o vermelho sinaliza que ela está casada ou namorando.

A estratégia das cores vai facilitar a vida dos frequentadores e reduzir as possibilidades de levar o tradicional “fora” numa eventual abordagem. O evento, um dos únicos realizados na região neste formato, promete reunir um grande público. Ele será realizado no dia 18 de abril com três atrações: Aliisson e Douglas, Magia do Amor e Compasso Fandangueiro.

O ingresso será vendido ao valor de R$ 15,00 e as pulseiras com as cores serão entregues na hora. Uma das integrantes do Grupo deJovens, Bruna Venturin, explicou como surgiu a ideia do Baile da Sinaleira. “ foi criado para chamar a atenção do povo pois ninguém na região havia tido essa ideia” destacou ela ao Portal de Marcelino.

A ideia de se criar o “Baile da Sinaleira” surgiu há cerca de 4 anos. A atual diretoria do Grupo de Jovens tem como presidente Silvio Albani e Bruna Venturin como vice. Também fazem parte da diretoria Gleison Rezzadori e Cláudia Moresco Peliser, além de outros colaboradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>