Polícia prende suspeitos de furtar trilhos da estrada de ferro em Marcelino Ramos

Compartilhe:

A Brigada Militar e a Polícia Civil pode ter elucidado nesta quarta-feira (26) o furto de trilhos no município de Marcelino Ramos que vem ocorrendo a um bom tempo. Um grupo de pessoas que estaria retirando as peças da estrada de ferro, na região de Teixeira Soares, na saída da cidade, num trecho onde a ferrovia está abandonada há anos, foi levado para a delegacia de polícia para prestar esclarecimentos. Junto com eles foram encontrados trilhos cortados, uma camionete, um veículo de passeio, e vários outros acessórios que seriam usados para retirar os trilhos do local.

Os policiais também localizaram um maçarico com botijão de gás e uma balança, além de ferramentas. Até mesmo restos de marmitas que são indícios que as pessoas passavam horas no trabalho de remoção. No trecho vários metros foram retirados e também encontradas mais de 40 barras medindo cerca de 3 metros, que foram cortadas e estariam prontas para serem transportadas. No traçado da rodovia apenas os dormentes deteriorados e pedras.

Pelo menos quatro pessoas foram levadas para a delegacia. Buscas estão sendo realizadas na região a fim de verificar o envolvimento de mais pessoas. O grupo é da região de Concórdia.

A Brigada Militar e a Polícia Civil agiu rápido e teve um papel importante para conter a ação, principalmente na preservação do patrimônio histórico da região. As diligência iniciaram ainda pela madrugada e as prisões aconteceram pela manhã. A ocorrência surgiu após denúncia dando conta de que trilhos estavam sendo furtados naquela região.

A concessionária RUMO já foi acionada. A investigação segue por parte da Polícia Civil agora com foco no possível receptador.

 

Siga o Portal no INSTAGRAM: https://www.instagram.com/portaldemarcelino/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Chat with us on WhatsApp